Oïmiakon: a cidade mais fria do mundo fica na Rússia
Oïmiakon: a cidade mais fria do mundo fica na Rússia
Leia mais

Oïmiakon: a cidade mais fria do mundo fica na Rússia

Números que dão arrepio na espinha: 71,2 graus Celsius... negativos! Foi a temperatura registrada na pequena cidade de Oïmiakon, situada no extremo leste da Rússia, em 6 de janeiro de 1926.

Difícil acreditar nesses números, mas são reais. Em 6 de janeiro de 1926, a pequena aldeia de Oïmiakon na Sibéria, composta por 512 habitantes, registrou uma temperatura de -71,2 graus Celsius! Este valor é a menor temperatura já vista em uma área habitada.

Em média, o termômetro mostra - 46 ° C em janeiro e vai "apenas" até 14.9 ° C em julho para obter uma média anual de -15.5 ° C. Seu inverno dura 9 meses e essas temperaturas extremas são devidas às cadeias montanhosas que cercam a vila, impedindo que as massas de ar frio que cobrem o vale escapem.

Sua população vive longe das amenidades que outras cidades podem oferecer. Os alunos só vão para a aula se a temperatura não cair abaixo de -52 ° C. Os habitantes caçam e pescam para se alimentar e se aquecem com fogo a lenha ou carvão. A maioria da população vive logo acima da linha da pobreza.
Escrito por Pedro Souza
Última modificação

Sem Internet
Verifique suas configurações