Método com urina utilizado por professora para curar fibromialgia está causando nas redes sociais
Método com urina utilizado por professora para curar fibromialgia está causando nas redes sociais
Leia mais

Método com urina utilizado por professora para curar fibromialgia está causando nas redes sociais

A Yogini diz que curou a fibromialgia bebendo a própria urina e ainda lhe limpou a pele.

Kayleigh Oakley lutava contra a fadiga crônica, dor e uma doença autoimune até que ela começou a "terapia de urina". Uma empresária de sucesso afirma que o segredo por trás de sua pele impecável é beber todas as manhãs antes de esfoliar e hidratar seu rosto com ela.

Todos os dias, Kayleigh Oakley, 33 anos, bebe meio litro de urina ao acordar antes de a esfregar na pele - depois disso, ela toma banho. Além de ajudá-la a alcançar a pele limpa, ela afirma que beber água curou uma vida inteira de complicações de saúde.

Kayleigh tem lutado com um sistema imunológico baixo há anos, tendo sido diagnosticado com a doença de Hashimoto  (uma doença do sistema autoimune) com apenas 15 anos. Dois anos depois, ela também foi informada de que tinha fadiga crônica e fibromialgia , doença causadora de dor em todo o corpo e que transforma até as tarefas mais básicas num pesadelo.

"Eu estava doente a maior parte do tempo e a vida parecia muito difícil", disse Kayleigh. Se alguém se sentisse mal perto de mim, meu sistema imunológico ficava tão fraco que eu também acabava doente. Foi tão desgastante. Se eu fizesse alguma atividade extenuante, ficava na cama uma semana e a vida tornava-se miserável."

Há dois anos, Kayleigh, que administra um negócio de educação e ensina yoga, descobriu a terapia urinária.

"Eu estava a estudar medicina e medicina natural e fiquei fascinada pelas histórias de sucesso que outras pessoas compartilharam sobre isso", disse ela.

“Eu estava numa longa jornada, tentando melhorar minha saúde. Mudei a minha dieta e estilo de vida, tentando introduzir coisas mais holísticas sem tomar medicamentos farmacêuticos. Ouvi dizer que a urina podia redefinir o sistema imunológico, promover uma boa saúde geral e que é boa para a pele. Também é uma técnica antiga de yoga, e então pensei em dar uma oportunidade."

Agora, a Yogini urina num copo todas as manhãs e bebe a corrente média da urina - descartando a primeira e a última parte do fluxo que, segundo ela, contém toxinas e sedimentos.

“A bebida matinal contém a maioria dos hormônios e nutrientes. Não tem muito gosto. É um pouco salgado e pode sentir alguns minerais, mas como eu tenho uma dieta vegana, não é forte. Eu nunca fiquei horrorizada com o pensamento de beber urina e os meus amigos e familiares aceitam o que eu faço. Somos condicionados a pensar que beber urina é impuro, mas é apenas uma filtragem estéril do sangue”.

Kayleigh considera esta prática melhor do que qualquer outra toma de fármacos.

“Não pensamos duas vezes em tomar medicamentos comprados no balcão, com efeitos colaterais, mas a urina não tem efeitos colaterais e funciona muito bem. Muitas marcas de pele caras contêm ureia, que é expelida na urina, então eu também tenho um produto realmente caro de graça."

E Kayleigh diz que ela é a prova viva de que a terapia de urina funciona. Poucos dias depois de seu regime bizarro, que também incluiu seguir uma dieta vegetariana crua e fazer yoga regularmente, ela começou a sentir-se muito melhor.

"Eu comecei a sentir uma sensação de energia extrema, foi incrível", disse ela. “A urina funciona muito bem para limpar a sua pele, se você tiver algum problema hormonal. Então, eu uso como um hidratante, apenas colocando um pouco de algodão e colocando-o na minha pele antes de entrar no chuveiro. Hidrata e ajuda a esfoliar também.”

Enquanto o marido Tristan, de 39 anos, não se converte à prática, Kayleigh sustenta que ele apoia sua escolha.

Outra dos benefícios que atribui a esta prática muito pouco convencional é a necessidade de menos horas de sono - acorda naturalmente às 5 da manhã sem um alarme.

"Uma combinação da minha dieta e prática de yoga, além de beber urina todos os dias, ajudou a curar-me. Temos o mau hábito de tratar os sintomas, não a causa. Eu tentei olhar para o meu corpo como um todo e ver o que está faltando devido a deficiências nutricionais. Isso significa que eu posso começar a tratá-lo um pouco mais holisticamente. Se eu não tivesse enveredado por este caminho de me curar com diferentes terapias, estaria tomando mais medicamentos. Há muita desinformação por aí, mas nunca vai saber se beber urina vai ajudar até experimentar."

Mas os especialistas não estão tão convencidos. Aisling Pigott, nutricionista e porta-voz da Associação Dietética Britânica, já disse a respeito desta prática que não existem evidências para sustentar as alegações de que a terapia com urina tem algum benefício para a saúde.

Miss Itália 2007 mostra seu novo rosto depois de ter sido atacada com ácido pelo namorado
Leia também
Miss Itália 2007 mostra seu novo rosto depois de ter sido atacada com ácido pelo namorado

"Não há nenhuma evidência ou conselho que encoraje alguém a beber sua própria urina. O corpo, em particular, os rins, faz um trabalho efetivo na remoção de toxinas eliminadas através da urina. Portanto, beber urina não é benéfico, pode ser potencialmente prejudicial e causar infeções." 

Escrito por Gouvea Aline
Sem Internet
Verifique suas configurações