Mãe prestava homenagem à memória do filho morto quando uma estranha se aproximou e mudou tudo

Mãe prestava homenagem à memória do filho morto quando uma estranha se aproximou e mudou tudo

A mãe e a irmã de um jovem falecido estavam em sua sepultura para celebrar o aniversário de sua morte, mas a chegada inesperada de uma terceira pessoa mudou tudo...

Em 12 de fevereiro de 2012 Tyson Schreiber, de apenas 19 anos de idade, dirigia o carro para casa. Era noite e estava nublado. Havia chovido bastante e a pista estava molhada. Tyson perdeu o controle do volante e saiu da pista em um fatal acidente, quando lhe faltavam apenas 16km para chegar em casa.

Quatro anos depois, sua mãe e irmã, as pessoas mais importantes na vida de Tyson foram visitar o cemitério e viram uma mulher estranha que estava junto à sepultura de Tyson.

A mãe logo compreendeu quem poderia ser. Era Laura Ericks, a mulher que recebeu os órgãos de Tyson ao morrer. Ela estava desenganada pelos médicos, que haviam lhe dito que ela não passaria dos 40 anos. Hoje ela tem 45 anos graças ao fato de Tyson ser um doador de órgãos. Laura leva dentro de si o pâncreas e o fígado de Tyson.Quando a mãe e irmã entenderam de quem se tratava, somente puderam abraçá-la.

Leia também
Mulher cria bonecas tão realistas que quase acaba na prisão

Ao passar de vários dias, a mãe voltou à sepultura de seu filho e viu gravado na cruz a seguinte mensagem: “Meu herói. Obrigada pelo presente de vida. Laura.” Tyson hoje não compartilha a vida com os seus entes mais queridos, mas ofereceu parte dele para que outra pessoa pudesse desfrutar deste mundo.

Que bela história!

Pedro Souza
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações