Pai se negou a deixar o filho portador da Síndrome de Down que a esposa decidiu abandonar na maternidade
Pai se negou a deixar o filho portador da Síndrome de Down que a esposa decidiu abandonar na maternidade
Leia mais

Pai se negou a deixar o filho portador da Síndrome de Down que a esposa decidiu abandonar na maternidade

O que este homem fez é admirável e completamente humano.

Quando Samuel Forest acompanhou o nascimento de seu filho na Armênia, ele sabia que a criança possuía síndrome de Down. A esposa resolveu abandonar o bebê no hospital,atitude permitida no país. Caso contrário, ela pediria o divórcio. Ele não teve dúvidas: ficou com seu filho.

Uma semana depois, ela cumpriu a promessa.

Samuel planeja voltar a sua terra-natal, a Nova Zelândia, para contar coma ajdua da família para criar seu filho.

Taí um dos motivos mais estúpidos de se pedir um divórcio.

Escrito por Pedro Souza

Sem Internet
Verifique suas configurações