Segundo estudo, ter uma religião faz viver mais

Segundo estudo, ter uma religião faz viver mais

De acordo com um estudo norte-americano recente e sério, a religião pode ter uma influência na expectativa de vida.

As pessoas que têm religião vivem quatro anos a mais que os ateus ou agnósticos. Esse é o resultado de um estudo científico realizado por pesquisadores da universidade de Ohio, publicado no SAGE journals.

Como isso é possível? Vários fatores influenciam. O primeiro? As atividades ligadas à religião ajudam a combater a solidão, uma solidão que tem efeitos negativos na saúde e que está relacionada a problemas cardíacos.

Outro fator: as pessoas que creem em um ou vários deuses costumam fumar, beber e se drogar menos que os outros. Enfim, Laura Wallace, a cientista responsável pela pesquisa deu uma outra explicação ao The Independent. “Descobrimos que o trabalho voluntário e a participação em organizações sociais só são responsáveis por um ano de diferença em questão de expectativa de vida”, declarou. Para chegar a esses resultados, os especialistas estudaram quase 1500 obituários nos Estados Unidos. E então, vai se converter?

Leia também
Conheça a verdadeira aparência de Jesus, segundo os historiadores
• Bruna Moura
Leia mais