Pensar no parceiro ajuda a diminuir a pressão sanguínea, afirmam pesquisadores

Pensar no parceiro ajuda a diminuir a pressão sanguínea, afirmam pesquisadores

Pesquisa da Universidade do Arizona descobriu que pensar no seu boy faz bem de verdade para o coração, ajudando a reduzir a pressão sanguínea.

Seu dia está difícil? Lembrar dos bons momentos com o boy pode realmente fazer bem à saúde do coração. Essa é a conclusão de um estudo da Universidade do Arizona, que descobriu que pensar no parceiro ajuda a manter a pressão sanguínea sob controle em situações de estresse.

102 participantes do estudo - todos comprometidos - tiveram pressão e batimentos cardíacos aferidos antes, durante e depois de serem parcialmente imersos em água gelada. Eles foram separados em três grupos. No primeiro, participantes tiveram seus parceiros sentados perto deles durante a tarefa. No segundo, os entrevistados eram convidados a pensar em seus parceiros enquanto estavam na água, como uma maneira de motivá-los a suportar a baixa temperatura. Já o terceiro grupo recebeu a missão de simplesmente ficar pensando sobre como havia sido o resto do seu dia.

Como os pesquisadores já desconfiavam, o estudo descobriu que os participantes que contaram com a presença dos parceiros ou que apenas pensaram neles durante a atividade registraram uma pressão sanguínea mais baixa do que o terceiro grupo. Os resultados físicos não mostraram diferenças, inclusive, entre a presença real do parceiro ou o simples pensamento sobre eles.

Leia também
Mulher cria bonecas tão realistas que quase acaba na prisão

O estudante de Psicologia e co-autor da pesquisa Kyle Bourassa acredita que esta pode ser uma das razões pelas quais estudos anteriores descobriram que pessoas que vivem relacionamentos felizes estão mais suscetíveis a também demonstrarem melhores condições de saúde. "A vida pode ser cheia de estresse, e uma das maneiras com que lidamos com isso é através dos relacionamentos", explicou ele ao The Post. "Essas descobertas ajudam a ilustrar o quão poderosas nossas relações podem ser". 

(Fonte: The Post /Imagem: Getty) 

Gouvea Aline
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações