Jovem resolveu comer apenas pizza durante 1 mês. Veja o resultado
Jovem resolveu comer apenas pizza durante 1 mês. Veja o resultado
Leia mais

Jovem resolveu comer apenas pizza durante 1 mês. Veja o resultado

Molly é a jovem estudante por trás do blog Um mês 100% pizza. Durante um mês, a blogueira resolveu se alimentar exclusivamente de pizza para provar que esse prato, ao qual é impossível resistir, é saudável...

Molly Spencer, 26 anos, estuda Ciências Alimentares. São 8 horas da manhã na Califórnia, na casa dela. Antes de começar seu dia, ela toma um café preto. "Eu preciso de um tempo antes de comer a primeira fatia de pizza do dia". O café da manhã não é uma fonte de entusiasmo: esta manhã ela tem que comer o resto de pizza do dia anterior. 

Em seu blog "A month of pizza", a jovem de 26 anos, doutoranda em ciências alimentares na Universidade da Califórnia, em Davis, é uma entusiasta desta especialidade americana. "Eu amo pizza e acho que ela não é tão ruim para a saúde como dizem. Eu quero provar que se temos uma vida equilibrada e usamos ingredientes saudáveis na receita, é possível comer pizza e ter uma ótima saúde". É importante destacar que Molly não come qualquer pizza. "Eu tento comer todos os tipos de pizza mas sobretudo as que tem legumes. Eu nunca como pizza com muito queijo ou carne. ". 

Comer pizza e ser saudável: para Molly é possível

A jovem permite-se comer "extras"para assegurar que todos os nutrientes estão na sua dieta.  "Eu estou fazendo um doutorado em ciência alimentar e tenho noções de nutrição, eu sei quais são os nutrientes necessários ao organismo.

Se nós decompomos uma pizza, nos damos conta de que há os mesmos ingredientes na maior parte dos pratos. E o que falta eu coloco nos meus extras ( frutas, bebidas, etc). Mesmo que o projeto não seja parte dos meus estudos, ele está ligado às minhas pesquisas. Eu procuro estratégias para aumentar o consumo de legumes: nos Estados Unidos nós não comemos muito".

Se o objetivo de Molly é defender a honra da pizza, ela não recomenda a ninguém imitá-la: "Eu não acho que é um bom regime, apenas que é uma opção que não faz mal à saúde.".Molly come entre 6 e 10 pedaços de pizza por dia e, apesar disso, ela não engordou. "Eu perdi peso mas não muito. De maneira geral, o número na balança está estável. É importante dizer que eu faço muitos esportes. ".Realmente não é todo mundo que pode seguir o ritmo de suas atividades: 1h30 de exercícios de força na segunda, 20 minutos de natação na terça, 5 km de corrida, 30 minutos de exercícios com peso e 70 minutos de futebol!

"Eu fui contactada pela televisão!"

Para Molly, o único inconveniente de comer pizza é o bolso: "Eu posso comer três vezes se faço a pizza mas meus amigos sempre querem me acompanhar no projeto e aí comemos todos juntos em um restaurante. Meu projeto adquiriu um aspecto social. ". E para o futuro? Depois que ela começou seu desafio, Molly atraiu a atenção dos meios de comunicação: "Muitos jornalistas entraram em contato comigo, até na TV. Eu não sei se vou aceitar dar entrevistas. No momento estou me preparando para partir para a Nicarágua e espero que eu possa continuar a comer pizza lá.".   

Receita: a pizza de cookie de Molly● 

Unte uma forma de pizza com 30 cm de diâmetro ● Separe 700 gramas de massa de cookie pronta ( você pode também fazer a sua) e coloque na assadeira ● Coloque a massa no forno por 13 a 15 minutos à 165°C e deixe esfriar. ● Reserve o recheio no cookie gigante. Molly usa o "Betty Crocker Rainbow Chip", encontrado nos Estados Unidos, manteiga de cacau ou nutella.  ● Espalhe os M&M's, bala, pepitas de chocolate ou frutas ● Opcional: adicione caramelo ou chocolate derretido

Escrito por Pedro Souza
Sem Internet
Verifique suas configurações