Sumatra: uma orangotango fêmea foi encontrada com 74 projéteis no corpo

Sumatra: uma orangotango fêmea foi encontrada com 74 projéteis no corpo

De acordo com o Greenpeace, 25 orangotangos morrem todos os dias após o desmatamento em Bornéu e Sumatra. Uma fêmea, chamada Hope, tornou-se o símbolo desse drama ecológico, depois que um raio X revelou que seu corpo foi atingido por... 74 balas.

Esperança

No domingo, 17 de março, a Associação Sumatran Orangutan Conservation Programme (Programa de Conservação do Orangotango de Sumatra) anunciou em sua página oficial no Facebook que havia ajudado um orangotango em um caso especial.

Com trinta anos de idade, a fêmea foi examinada por veterinários indonésios que a chamaram de Hope (Esperança).

74

Com horror, eles descobriram depois da radiografia que seu corpo havia recebido, pelo menos, 74 projéteis, provavelmente disparados por armas de ar comprimido.

Quatro estavam alojados atrás do olho esquerdo e dois do olho direito. Ela também sofreu várias lesões de objetos pontiagudos e sua clavícula foi quebrada.

Seu filhote, com apenas um mês de idade, estava com desnutrição grave e, infelizmente, não pôde ser salvo, apesar de todos os esforços.

Símbolo

Não é mais um segredo que o desmatamento em Bornéu e Sumatra para plantar palmeiras-de-dendê é um desastre ecológico, do qual os orangotangos são apenas a ponta do iceberg.

Com essas florestas asiáticas, ecossistemas inteiros são queimados em nome da produção de produtos processados ​​ou combustíveis. Como a associação internacional Greenpeace explica em um comunicado:

"As florestas tropicais indonésias, habitat deles, são destruídas para serem substituídas por plantações de palmeiras, e o óleo de palma é usado por multinacionais como Unilever, Mondelez ou Nestlé para fabricar os produtos que consumimos todos os dias, como barras de chocolate ou xampu, por exemplo".

Leia também
Mulher é presa depois de uma descoberta assustadora em sua casa

Declínio

De acordo com os últimos números publicados pela famosa organização WWF, restariam apenas 14.500 orangotangos de Sumatra, 104.700 orangotangos de Bornéu e 800 orangotangos de Tanapuli.

O grande macaco, como se pode temer, está na Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da IUCN.

Quando uma espécie está na categoria "Criticamente Ameaçada", significa que o animal provavelmente desaparecerá nos próximos cinco anos.

André Lourenço
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações