Muco cervical: qual é o seu papel na gravidez e na fecundação?

Muco cervical: qual é o seu papel na gravidez e na fecundação?

O termo "muco cervical" soa estranho para você? O OhMyMag explica sua importância quando se planeja uma gravidez...

O que é muco cervical?

O muco cervical é uma substância viscosa produzida pelas glândulas no colo do útero. Toda mulher o produz durante toda a vida. Este material viscoso nos protege contra vírus, bactérias e outros patógenos que podem infectar o útero. Forma uma espécie de barreira natural e elimina pela vagina tudo o que possa prejudicar o sistema reprodutor feminino.

O muco cervical é evacuado, de acordo com o momento do ciclo, seja por "perdas brancas", seja no momento da menstruação. Em outras palavras, o muco cervical é o sistema autolimpante que o corpo produz naturalmente para protegê-lo!

Papel do muco cervical na fertilização

Quando uma mulher está fértil, isto é, no momento da ovulação, o muco cervical se modifica naturalmente. Ao invés de agir como uma barreira protetora ao útero, ele facilita a passagem do esperma da vagina para o útero através do colo do útero. De fato, o pH ácido da vagina bloqueia os espermatozoides em sua mobilidade.

O muco cervical, com pH básico, permite que eles passem pela vagina, mantendo seus movimentos naturais. Esse fenômeno facilita o encontro entre o espermatozoide e o óvulo nas tubas uterinas e permite a fertilização.

Em algumas mulheres, o muco cervical também é ácido, seja por causa de uma infecção, seja de uma maneira natural. Isso pode ser um obstáculo para a fertilização. Se você está tendo problemas para engravidar, pergunte ao seu ginecologista se isso pode ser devido ao seu muco cervical.

Papel do muco cervical durante a gravidez

Quando o óvulo é fertilizado e a gestação começa, o muco cervical retorna ao seu papel protetor. Ela se espessa novamente, formando um tampão na entrada do colo do útero, o tampão mucoso. Isso protegerá o útero e o feto de qualquer agressão externa.

Leia também
A transformação de Luis Padron em elfo, após gastar 174.000 dólares em cirurgias

Durante a gravidez, o tampão mucoso vai engrossar, permitindo reter o líquido amniótico. Esta proteção tem uma aparência viscosa espessa, esbranquiçada ou cinza. Em algumas mulheres, pode ter uma aparência sanguínea completamente natural.

O tampão mucoso é expelido geralmente durante o último trimestre da gravidez. A cabeça do bebê pressiona o colo do útero, o que irá desintegrar a proteção. Algumas mulheres o perdem todo de uma vez, outras aos poucos.

• Bruna Moura