Conta no Instagram que transforma objetos do quotidiano em ilusão de ótica está enlouquecendo a internet

Conta no Instagram que transforma objetos do quotidiano em ilusão de ótica está enlouquecendo a internet

Hillman pega em objetos mundanos, organiza-os de maneiras não convencionais e faz deles uma arte.

 

Às vezes, estar on-line é aborrecido e nada divertido. No entanto, o Instagram de Adam Hillman, Witenry é bom e agradável.

Página lançada em 2014 e continua popular

Hillman pega em objetos mundanos, organiza-os de maneiras não convencionais e faz deles uma arte. As pessoas acham que é calmante - mas essa não é necessariamente sua intenção. Na internet em 2018: muita coisa é de baixa qualidade. Mas, reconhecidamente, poucas coisas ainda são boas. Muito bom mesmo.

Tomemos, por exemplo, a conta do Instagram de Adam Hillman,  que transforma objetos do quotidiano em obras de arte. O estudante de arte de 23 anos da Rutgers University apostou no Instagram em 2014 para começar a construir seu portfólio, disse ele à INSIDER.

"No começo eu tirei fotos de coisas do dia-a-dia ao meu redor sem as organizar, e inspirei-me na beleza de pequenas coisas como respingos de tinta e padrões de madeira ao meu redor no meu dia-a-dia", disse Hillman.

A partir daí, ele foi destaque no Tumblr Things Organized Neatly, no Bored Panda e em outros sites, como o BuzzFeed. A sua conta tem sido popular desde então. Hoje em dia, ele tem mais de 271.000 seguidores no Instagram e recebe entre 10.000 e 27.000 “gostos” em cada uma de suas fotos perfeitamente organizadas.

Pintor treinado 

Transformar os objetos mundanos que ele viu no mundo é natural para ele. E ele está sempre a pensar em novas ideias para o Instagram, seja na mercearia ou nas compras online. Uma vez que ele tenha um conceito em mente e os adereços garantidos, Hillman disse que o processo de fazer um post varia.

"Eu vou brincar com os objetos um pouco para ver se minha ideia funciona, e depois disso, pode levar de 2 a 12 horas para ser feito", disse ele. "Eu tento terminar os arranjos de uma só vez, mas se estiver a usar itens não perecíveis, às vezes deixo passar a noite e tiro a foto final na manhã seguinte."

Mas depois que uma foto foi publicada, Hillman não olha para o sucesso da foto, ele disse.

"Mesmo se já usei um objeto antes, considero [um post] um sucesso se conseguir reinventar seu uso anterior e conseguir criar uma peça que realmente surpreenda meus seguidores", disse ele. "Eu também considero um post bem sucedido se eu for capaz de utilizar um objeto para um propósito para o qual ele não foi projetado e parece se encaixar perfeitamente, criando uma espécie de reinvenção do objeto através da colocação."

Hillman disse que não importa como as pessoas interpretam seu trabalho, ele está apenas feliz que as pessoas o considerem significativo. "Aceito todas as leituras do trabalho como igualmente válidas, e prefiro deixar que meu público decida por si", disse ele.  

• Bruna Moura
Leia mais