Cesariana: cicatriz, dores e risco. O que é preciso saber?
Cesariana: cicatriz, dores e risco. O que é preciso saber?

Cesariana: cicatriz, dores e risco. O que é preciso saber?

Por escolha ou por necessidade, você fará uma cesariana? O OhMyMag te prepara para esse acontecimento...

Cicatriz da cesariana

A cesariana é um procedimento cirúrgico invasivo. Consiste em fazer uma incisão na pele e no útero da mãe para retirar o bebê. A cicatriz é, portanto, inevitável. Ela mede cerca de dez centímetros e se localiza logo acima do púbis. Na maioria dos casos, essa incisão é longitudinal.

Nos primeiros dias, a cicatriz é coberta com um curativo. Quando a equipe médica considerar que é hora de removê-lo, você mesma poderá cuidar de sua cicatriz. O cuidado consiste em limpá-la cuidadosamente com o antisséptico que seu obstetra tenha lhe receitado. Não se assuste com a aparência saliente da sua cicatriz, ela irá desaparecer com o tempo, deixando, geralmente, apenas uma pequena marca rosada.

Após quinze dias, os grampos ou fios de sua cirurgia serão removidos. Você poderá massagear suavemente a cicatriz para atenuar a aparência e suavizar sua pele. É importante evitar qualquer esforço que possa reabrir sua cicatriz: evite fazer abdominais ou pegar peso!

Dor após uma cesariana

Nos primeiros momentos após uma cesariana, a equipe médica poderá tratar a dor com medicamentos apropriados. Depois de dois ou três dias, você não deverá sentir mais uma dor insuportável. Provavelmente, você sentirá um repuxamento na cicatriz ou uma leve sensação de queimação na altura dos pelos pubianos.

Se, no entanto, você sentir dores insuportáveis, que sua cicatriz está vazando ou que você está com febre, consulte imediatamente seu médico. Estes são sinais de infecção que devem ser levados a sério.

Riscos após uma cesariana

Para a mãe, o maior risco após uma cesárea é a infecção. Certifique-se de praticar todos os cuidados aprendidos com seu médico. É desaconselhável engravidar novamente durante um ano após uma cesariana. Isso permite que o útero se recupere da incisão.

Mulheres que fazem uma cesariana têm mais probabilidade de deslocamento de placenta em uma futura gravidez. Mas nada exclui a possibilidade de um parto normal! Para os bebês, o maior risco é inalar o líquido amniótico durante o parto. O líquido, que pode parar nos brônquios se não for aspirado, pode causar infecções respiratórias.

Escrito por Bruna Moura
Última modificação

Sem Internet
Verifique suas configurações