O emocionante encontro entre um gorila e um primata minúsculo
O emocionante encontro entre um gorila e um primata minúsculo
Leia mais

O emocionante encontro entre um gorila e um primata minúsculo

Os cuidadores do santuário para primatas de Mefou, Camarões, tiveram a surpresa de assistir a um encontro incrível entre um dos moradores, um gorila das costas prateadas chamado Bobo, e um pequeno primata noturno chamado galago. Um minúsculo novo amigo de quem o gorila resolveu cuidar.

Não é porque se é um gorila de 1,50 metros e 200 quilos que não se pode cuidar dos outros habitantes da floresta. Foi o que constataram os cuidadores do Santuário para primatas de Mefou, em Camarões. Esse centro abriga mais de 300 primatas vítimas de caça e da destruição de seu habitat.

Bobo, um dos gorilas abrigados no parque, chegou quando tinha dois anos, a mãe morta por caçadores. Vinte anos depois, o pequeno macho se tornou um costas prateadas tão bonito quanto poderoso. Ele se tornou chefe do grupo que vive no santuário. Mas isso não o impede de demonstrar toda a sua doçura. Uma qualidade que foi confirmada recentemente ao acolher um pequeno galago, um primata noturno com tamanho variando entre 20 e 80 centímetros.

Ape Action Africa, associação responsável pelo parque, descreveu em seu facebook: "Nosso gorila Bobo fez um novo amigo, um bebê galago! Os cuidadores ficaram surpresos ao vê-lo acariciando o animalzinho e se impressionaram com a delicadeza com que ele o manipulava".

Os dois brincaram juntos por duas horas

Durante quase duas horas, Bobo cuidou muito bem do amiguinho, deixando-o passear com ele e até mesmo subir em suas costas. E, embora o gorila tenha deixado os companheiros olharem seu novo amigo, em nenhum momento ele permitiu que eles se aproximassem.

"Os outros membros do grupo de Bobo estavam curiosos, principalmente sua fêmea favorita, Avishag, mas ele os manteve à distância, garantindo que ninguém perturbasse seu novo amigo", escreveu o santuário. "Os galagos são animais noturnos, é bem raro vê-los, ainda mais nesse tipo de interação com outro primata. O filhote estava feliz por brincar nos braços de Bobo, descendo para explorar a grama e voltando para suas mãos."

Depois de duas horas de diversão, Bobo resolveu deixar seu novo amigo partir. Mas não passou por sua cabeça deixá-lo no meio da clareira. Ele se levantou, foi até à floresta vizinha e o colocou delicadamente em um galho mais alto. Certamente um gorila de uma gentileza sem igual.

Escrito por Pedro Souza
Última modificação

Sem Internet
Verifique suas configurações