Foi comprovado: mulheres com seios grandes sofrem mais durante a prática de esportes

Foi comprovado: mulheres com seios grandes sofrem mais durante a prática de esportes

Falta de motivação, dinheiro, tempo ... Há muitas razões que nos impedem de praticar esportes. Mas aqui está uma que até então tinha passado despercebida: o tamanho do seio. Um estudo acaba de provar que o tamanho dos nossos seios poder ser um fator decisivo na prática de esportes.

Apesar das mulheres reclamarem deste problema há muito tempo, só agora que estudos científicos afirmaram que existe uma ligação entre o tamanho dos seios e o tempo consagrado à prática de esportes. De acordo com um estudo recente publicado na revista JSAMS, as mulheres têm um impedimento adicional: o tamanho de seus seios. Há evidências de que mulheres com seios grandes gastam 37% menos tempo praticando esportes. O motivo: os movimentos causados pela prática esportiva são dolorosos.

O que é a hipertrofia mamária?

Leia também
Uma campeã de boxe finge ser principiante em uma academia

Os pesquisadores analisaram os efeitos mecânicos do esforço físico nos tecidos. 355 australianas entre 18 e 75 anos fizeram parte do experimento e foram divididas em quatro grupos: seios pequenos, os chamados seios médios, seios grandes e aqueles que sofrem de hipertrofia mamária. Esta doença pode ser diagnosticada quando o paciente apresenta muitas dores no pescoço e parte inferior das costas causada por seios muito pesados. Para superar esses inconvenientes, muitas mulheres optam por uma operação de redução de mama.

De acordo com especialistas, durante a atividade física intensa, os seios podem se mover 19 cm na vertical e até 4 cm nos outros eixos. Para mulheres com seios grandes, praticar esportes pode rapidamente se tornar um pesadelo. "O tamanho das mamas deve ser reconhecido como uma barreira potencial à atividade física das mulheres", concluem os cientistas. "Estratégias para ajudar mulheres com seios grandes ou hipermastia devem ser encontradas para que essas mulheres possam desfrutar dos benefícios de saúde associados a um estilo de vida ativo".

Andressa Zabeu
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações