A polêmica reportagem sobre Maria (Des)Leal
A polêmica reportagem sobre Maria (Des)Leal
A polêmica reportagem sobre Maria (Des)Leal
Leia mais

A polêmica reportagem sobre Maria (Des)Leal

Escrito por Gouvea Aline
Última modificação

O programa Vidas Suspensas da SIC divulgou o caso de um jovem que herdou um milhão de euros, esteve casado com a cantora Maria Leal e que está hoje sem nada.

Francisco D'Eça Leal, filho do famoso artista plástico Paulo D’Eça Leal, foi tema do programa da SIC ‘Vidas Suspensas’. Nele contou a sua história de vida e da rocambolesca relação que teve no passado com a polêmica artista Maria Leal.

Num depoimento intenso pautado pela emoção e a fragilidade, Francisco viaja desde a infância até à altura em que conhece a artista com quem manteve uma relação que culminou no casamento de ambos. É nesta relação que o jovem perde a sua fortuna avaliada em cerca de um milhão de euros, incluindo quatro apartamentos em Campo de Ourique, e que agora acusa Maria Leal de ser a responsável pela situação de quase miséria em que se encontra.

Francisco foi diagnosticado com esquizofrenia aos 18 anos e a doença do jovem levou a que durante um internamento este se atirasse do telhado de um hospital e ficasse com lesões físicas graves.

Devastado com a morte do pai e com o grave acidente que sofreu, já depois de ter herdado um milhão de euros, Francisco viu em Elisabete Rodrigues, (assim se chamava Maria Leal), a possibilidade de um novo recomeço e de uma grande paixão.

Foram apresentados pela baby-sitter de Francisco que nessa altura tinha 24 anos. Maria Leal tinha 44 apesar de lhe ter dito que tinha apenas 33.

Seguiram-se meses de uma paixão e devoção quase cegas e um casamento que deu plenos poderes a Maria Leal para movimentar as contas de Francisco. O jovem garante que durante esse período pouco comprou, para além de uma guitarra elétrica. Em contrapartida muitos foram os documentos exibidos ao longo do programa que revelam, entre outros, milhares de euros gastos por Maria leal, semanalmente, em lojas de roupa.

“Eu não comprava quase nada”, revelou Francisco, que admite ter assinado papeis em branco sem sequer saber o que estava a assinar pelo amor e confiança que depositava em Maria Leal.

Esta terá, alegadamente, convencido Francisco Leal a vender os apartamentos que herdara a preços irrisórios e abriu 2 lojas de roupa.

Enquanto isso foi afastando Francisco da sua família, amigos e da própria mãe. “Cortei relações com os meus amigos e com a minha mãe. Ela dizia que se ia embora se eu não fizesse o que ela queria, que iria ficar entregue à minha mãe e que depois a minha mãe me ia tirar tudo”, revelou Francisco.

Durante este período, há depoimentos de que Maria Leal terá tido outras relações e que se referia a Francisco como um sobrinho a necessitar de cuidados e a quem prestava ajuda.

No programa especula-se sobre os crimes cometidos pela empresária: “desfalque financeiro, violência doméstica com abuso psicológico e isolamento de uma pessoa dependente e com problemas de saúde mental”.

O dinheiro acabou em quatro anos e foi apenas quando da relação que viria a tornar famosa Maria Leal com o ex-concorrente Tiago Ginga, do programa “Casa dos Segredos” que Francisco se apercebeu do que se estava a passar e do “desaparecimento” do seu dinheiro.

“Acordei quando fui pesquisar o nome da Maria Leal na Internet e descobri que ela namorava com o Tiago Ginga”, revelou Francisco. Foi nessa altura que deu por terminada a relação e que descobriu que estava na miséria.

Após a polêmica reportagem, a artista fez uma publicação na sua página de Instagram na qual alegou que todas as informações transmitidas eram “inverdades”, que foi “difamada de forma gratuita em horário nobre” e que iria “recorrer às instâncias competentes”.

Nessa mesma publicação, as críticas dos seguidores de Maria Leal não se fizeram tardar, escalando em número e indignação: “Se essas acusações são todas mentiras, então porque é que vai logo recorrer às redes sociais? (Estupidez) O que fizeste nunca se faz a ninguém! Como te atreves a aproveitar de uma pessoa e fazer um golpe tão sujo como esse e ainda o tratar mal com violência?! Tudo o que ele deve ter querido era apenas alguém para amar e estar presente nos bons e maus momentos! Nota-se que só tens amor ao dinheiro e só te preocupas contigo própria. Devias ter vergonha nessa cara modificada graças ao dinheiro, que traz muita desgraça”, lê-se num dos comentários.

“É uma vergonha, ainda acha que tem razão? Qual nome? O nome não é teu, eu tinha vergonha, atitudes de porca, aprende a cantar, espero que acabes a apodrecer na prisão”, acrescenta outro.


En plus
Sem Internet
Verifique suas configurações