Quando uma mamãe yorkshire amamenta uma ninhada bem especial

Quando uma mamãe yorkshire amamenta uma ninhada bem especial

Aqui no Best Friends a gente adora contar belas histórias de nossos amiguinhos animais. Por isso a gente não resistiu à tentação de contar a da pequena yorkshire Bridget, cuja ninhada de filhotinhos infelizmente não sobreviveu. Os cuidadores do abrigo onde ela vive tiveram uma excelente ideia para melhorar seu ânimo...

No estado de Utah, Estados Unidos, fica o abrigo animal The Humane Society of Utah, uma associação de proteção animal criada em 1960.

A particularidade desse grande abrigo, ligado a uma famosa clínica veterinária, é recolher absolutamente todos os animais que chegam até ele, selvagens e domésticos. Além disso, nenhuma eutanásia é realizada no abrigo, salvo situações realmente críticas e extremas. Durante o ano de 2016, 11.019 animais encontraram abrigo nessa estrutura preocupada com o bem-estar animal e que luta por um melhor reconhecimento dos direitos dos animais.

Leia também
Se o seu animal de estimação apóia a cabeça na parede, procure um veterinário

Socorrer e proteger

O abrigo tem uma atividade regular na internet e nas redes sociais para divulgar seu programa de conservação e suas ações em favor de nossos amiguinhos de quatro patas. E às vezes, alguns vídeos são gravados para serem publicados. É o caso da história que vamos contar hoje.

Bridget, uma pequena cadela da raça yorkshire que chegou a incrível idade de 10 anos, teve uma pequena ninhada de dois cachorrinhos. Mas infelizmente, como pode acontecer, nenhum dos filhotes sobreviveu, deixando a cadela desamparada e deprimida.

Ninhada de substituição

Os funcionários do abrigo pensaram na melhor maneira de levantar o ânimo de Bridget. Foi então que a diretora do abrigo de Utah, Barbara Conrad, teve uma ideia genial: aproximar da pobre Bridget, que tinha condições de amamentar após o nascimento de seus filhotes, de uma ninhada de gatinhos não desmamados que tinham sido levados ao centro de tratamento recentemente. E é claro, como você pode imaginar, a magia aconteceu!

Os gatinhos logo buscaram as tetas da mamãe de substituição enquanto que Bridget, por sua vez, mostrou o caminho de suas mamas para as pequenas criaturinhas. Sempre lambendo, guiando, cheirando, ela deixou que os adoráveis filhotinhos se alimentassem de seu leite, permitindo que os jovens gatinhos cresçam nas melhores condições e com todo o conforto materno que precisam!

• Bruna Moura
Leia mais