Após levar um fora da mãe, homem atira na cabeça do seu bebê

Após levar um fora da mãe, homem atira na cabeça do seu bebê

Até quando viveremos numa sociedade tão machista e violenta? Inconformado após levar um fora durante uma festa, homem atira no carro em que estava a sua vítima, acertando na cabeça da filha dela. 

Uma menina de apenas 10 meses de vida está internada em estado crítico na cidade de Fresno, na Califórnia, nos Estados Unidos. Ela foi baleada por um homem que tinha acabado de ser rejeitado pela mãe durante uma festa. 

Segundo testemunhas, Deziree Menagh, a mãe, tinha trocado mensagens com o atirador por um aplicativo de relacionamentos cerca de uma semana antes do evento. Lá, quando se encontraram, ele tentou pegar na sua mão e ela não gostou da atitude e se afastou, indo para perto de amigos e familiares que também estavam no local. 

O homem ficou chateado e o clima da festa começou a ficar pesado. Deziree, então, decidiu pegar a filha e ir embora para casa. Quando estava saindo, o acusado ainda tentou fazer com que ela se sentasse no seu colo, mas sem sucesso.

Ela correu com a filha nos braços para o carro de um amigo, que as levaria até em casa. Enquanto ele dava a volta no quarteirão para pegar o caminho certo, o criminoso começou os disparos. Foram três tiros e um deles acabou acertando a cabeça da bebê. 

Ela foi socorrida por paramédicos e passou por uma cirurgia delicada, ainda não se sabe se o ferimento vai deixar sequelas na menina. Ela só não morreu na hora, na verdade, porque o impacto da bala foi diminuído quando atravessou a janela do veículo. 

Leia também
Mãe pensava que o filho estava morto, mas algo inacreditável acontece quando ela o pegou em seus braços

Na delegacia, o atirador não demonstrou arrependimento. A polícia da cidade descobriu, inclusive, que ele tinha um mandado de prisão em aberto por conta de uma situação parecida: em maio deste ano, ele deu um tiro dentro da casa do atual namorado da sua ex. A bala atingiu a parede, ficando apenas a cerca de 30cm da cabeça do filho de uma das vítimas.

Veja mais detalhes sobre o caso, no vídeo acima. 

(Fonte: Metrópoles) 

Gouvea Aline
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações