Baleia foi achada morta na Indonésia e o que encontraram em seu estômago é assustador

Baleia foi achada morta na Indonésia e o que encontraram em seu estômago é assustador

Os encalhes de grandes cetáceos continuam acontecendo e, infelizmente, são muito parecidos... Um cachalote foi encontrado morto em novembro em uma praia da Indonésia. E seu estômago tinha... 6kg de dejetos plásticos.

No último mês de junho, uma baleia piloto foi encontrada morta no sul da Tailândia, depois de ingerir oito quilos de plástico.

Cinco meses depois, o cenário macabro se repetiu: um novo cetáceo foi encontrado morto nas águas da Indonésia, com 6 quilos de dejetos plásticos no corpo.

Tristes precedentes

Essa triste notícia foi revelada pela WWF Indonésia. Uma notícia que nos lembra, como se isso fosse necessário, que a poluição dos oceanos com dejetos plásticos representa uma verdadeira praga para as diferentes formas de vida ali presentes.

Depois da análise do aparelho digestório do cachalote morto, comprovou-se que o mamífero marinho tinha ingerido cento e quinze copos, vinte e cinco sacolas plásticas, quatro garrafas de plástico e dois chinelos... sem contar a quantidade de outros elementos impossíveis de identificar com precisão.

E esses seis quilos de plástico acumulados no intestino e estômago do mamífero marinho foram responsáveis pela morte do animal.

Poluição desastrosa

Entrevistada pela Associated Press, a coordenadora de conservação das espécies marinhas da WWF Indonésia, Dwi Suprapti, explicou:

"Mesmo não sendo possível determinar a causa da morte, os fatos constatados são realmente assustadores."

Leia também
"Crocolfinho": Um pescador chinês virou assunto ao pegar uma estranha criatura

No ano de 2015, um relatório publicado pela associação internacional Ocean Conservancy, em parceria com o centro McKinsey for Business and Environment, criticou veementemente cinco países da Ásia.

O estudo explicava que a China, a Indonésia, as Filipinas, o Vietnã e a Tailândia juntos eram responsáveis por 60% dos dejetos plásticos que acabam nos oceanos.

• Pedro Souza
Leia mais
Sem Internet
Verifique suas configurações