Ponte é construída para ajudar animais a atravessarem pista sem risco de atropelamento

Ponte é construída para ajudar animais a atravessarem pista sem risco de atropelamento

São pelo menos 25 metros de largura passando por cima da movimentada estrada A89 na Dordonha, França! No último dia 5 de abril uma ponte diferente das demais foi inaugurada nessa região da França: uma ponte verde. O princípio é permitir que a fauna selvagem no entorno atravesse a estrada em completa segurança...

As estradas francesas estão se tornando cada vez mais verdes? Essa iniciativa na região da Dordonha parece seguir nesse caminho.

Uma ponte por cima de uma pista movimentada

A primeira ponte verde (de uma série de oito) foi inaugurada depois de meses de trabalho. Uma passagem com vinte e cinco metros de largura por cinquenta e cinco metros de comprimento para ajudar a fauna da região a atravessar a pista sem obstáculos.

Essa ponte verde é protegida por câmeras e tem cerca de 600 árvores e outros arbustos plantados, enriquecida com pedras e pequenos montes de madeira. Uma passarela 5 estrelas, para estimular a fauna selvagem a atravessar a ponte em segurança, oferecendo locais para que se escondam durante o percurso.

Fauna macro e micro

Por fim, foram cavados lagos em cada extremidade da ponte para oferecer aos animais fontes d'água, mas também como destino para anfíbios (rãs e sapos) que tentam passar para o outro lado em migrações nupciais.

Essa nova geração de pontes, 100% dedicada à vida selvagem, deve tornar mais maleável essa perigosa barreira para os animais que é uma estrada. Pois embora pequenas passagens subterrâneas já venham sendo construídas há vários anos para ajudar na passagem da fauna menor (roedores, ouriços, mustelídeos...), nada havia sido previsto para ajudar a fauna maior a atravessar, incluindo o veado-vermelho, a corça ou ainda o javali.

Quando os animais não se atrevem a atravessar a pista para chegar à floresta vizinha, isso pode, a longo prazo, causar problemas de consanguinidade. Uma bela iniciativa para os animais que esperamos ver mais por aí!

• Bruna Moura
Leia mais