Infecção urinária: causas, contágio e tratamento

Infecção urinária: causas, contágio e tratamento

Você tem dor durante a micção e acha que pegou uma infecção urinária? O OhMyMag conta tudo sobre esta infecção que afeta principalmente as mulheres.

Causas da infecção urinária

Entre as causas mais comuns, destaca-se a falta de hidratação suficiente. De fato, a urina é um ambiente favorável para a proliferação de germes. Por isso, é essencial beber muita água diariamente (pelo menos 1,5 l) para eliminar essas toxinas.

Outro fator, anatômico desta vez: a uretra da mulher é mais curta que a do homem, de forma que as bactérias retornam mais facilmente à bexiga. Além disso, o orifício externo da uretra na mulher fica próximo ao ânus. O ânus é o lar de muitas bactérias, incluindo a Escherichia coli, de origem intestinal. Isso explica por que existem tantas infecções quando a mulher se limpa de trás para frente, e não da frente para trás, depois de ter evacuado.

Além disso, problemas de saúde, como pedras nos rins e diabetes, podem causar infecções do trato urinário. Finalmente, uma higiene pessoal inadequada ou muito agressiva (sabonete e gel com pH não neutro) também pode ser uma fonte de cistite.

Sintomas de uma infecção urinária

Nas mulheres, a infecção urinária, ou cistite, resulta em uma vontade frequente de urinar, queimação durante a micção e, também, urina turva e mal cheirosa. Também pode ocorrer sangue na urina e febre moderada.

Tratamento para infecção urinária

É essencial tratar uma infecção urinária. Na ausência de tratamento, complicações sérias podem ocorrer. As bactérias podem subir a uretra, infectar a bexiga, passar para o ureter e atingir os rins. Quando os rins são afetados pela infecção, isso é chamado de pielonefrite e requer hospitalização de emergência.

Outro caso é quando as bactérias entram no sangue, cansando sépsis. Nunca se deve negligenciar uma infecção urinária. Após uma análise citobacteriológica da urina (ECBU), que confirmará o diagnóstico de cistite, o médico prescreverá um antibiograma para determinar qual é o antibiótico eficaz para combater a cistite. O tratamento, em uma dose ou por vários dias, na grande maioria dos casos, erradica a bactéria.

 

• Bruna Moura