Veja como esse besouro "teleguiado" vai ajudar a salvar vidas

Veja como esse besouro "teleguiado" vai ajudar a salvar vidas

Pesquisadores da universidade de Nanyang, em Singapura, conseguiram robotizar um besouro com a ajuda de um chip eletrônico ligado a suas antenas.

Pesquisadores conseguiram "teleguiar" um besouro em Singapura. Como? Colando um chip eletrônico em sua carapaça e ligando-o a suas antenas para direcioná-lo. Medindo 2,5 centímetros, o besouro se tornou o menor robô-inseto do mundo de acordo com a revista especializada Soft Robotics. "É o mais novo membro dos zumbisouros, nova ordem de insetos que criamos. Ele foi dominado por meio de experimentos através de uma aparelhagem eletrônica implantada", explicou Alain Fraval, entomologista do Opie-insectes.

O objetivo é salvar vidas

O objetivo dessa experiência é salvar vidas em catástrofes naturais. Com seu tamanho pequeno, os besouros podem encontrar pessoas em escombros, por exemplo. Para isso, uma pequena descarga elétrica é enviada à antena esquerda para fazer com que ele vá para a direita e vice-versa. Uma verdadeira mini revolução!

• Bruna Moura
Leia mais