Facebook
</> Incorporar
WhatsApp
azul

Um cientista americano descobriu, acidentalmente, o pigmento de um novo tom de azul. A novidade foi recentemente comercializada sob o nome de "azul YInMn".

Esta cor única foi obtida por meio do aquecimento de óxido de manganésio, um composto naturalmente preto.

"Basicamente, foi uma descoberta acidental. Nosso trabalho não está relacionado à busca de pigmentos" afirma Mas Subramanian. "Um dia eu vi, de passagem, um doutorando do projeto recolher amostras de um forno muito quente. Elas eram azuis, um belo azul. Percebi imediatamente que algo extraordinário havia acontecido", ele conta. Após a análise, o especialista percebeu que a descoberta poderia servir como pigmento para uma cor.

Um pigmento recentemente patenteado

O pigmento foi recentemente patenteado e comercializado como "azul YInMn", nome que faz referência aos seus componentes primários: ítrio, manganês e índio.

Publicado por -